Aula Inaugural do Curso de Gestão Empresarial contou com a presença do Professor e Economistas Werner Baer

Voltar para Notícias

Em 7 de agosto, a Fatec Americana recebeu, para a Aula Inaugural do Curso de Gestão Empresarial, o Pesquisador Economista Werner Baer, que apresentou uma palestra sobre a economia brasileira, assunto que é foco de suas pesquisas e que proporcionou a ele a edição de livros sobre o tema.

Werner Baer é um Economista Americano, graduado pelo Queen’s College em 1953, na Havard University fez seu mestrado em 1955 e seu Ph. D. em 1958. Atualmente é Economista da University of Illinois Urbana-Champaign e concentra sua pesquisa em desenvolvimento econômico e industrialização da América Latina, em especial o processo de industrialização para substituição de importação no Brasil. Autor dos livros “A Economia Brasileira”, já na 3ª edição, Editora Nobel, publicado em 2009, que traz uma análise do desenvolvimento econômico brasileiro do período colonial até 2008; “Brazilian Economy – Growth and Development”, Editora Greenwood Pub Group, publicado em 2001, e coautor do livro “Brazil Under Lula – Economy, Politcs And Society Under the Worker”, Editora Macmillan Publisher Usa, publicado em 2009.

Em sua palestra, o Professor Werner fez uma pequena síntese da história econômica recente do Brasil, a partir do Plano Real, com seus pontos positivos de controle da inflação, mas com as consequências da necessidade de manutenção de uma taxa de juros alta, que tinha o objetivo de evitar a fuga de capitais e, como efeito colateral, trouxe investimentos externos que desejavam aproveitar esta elevada taxa e assim multiplicar ganhos.

A falta de investimento para melhorar a produtividade, a lista de ocorrências de casos de corrupção e as consequências disto tudo na baixa taxa de crescimento no Brasil também fizeram parte de seu discurso. Citou, por exemplo, que o crescimento do PIB em 2007, pouco mais de 6,0%, muito comemorado por economistas e políticos, não passou de uma ocorrência isolada e que nossos concorrentes no mundo (China e Índia) mantém taxas de crescimento superiores por longos períodos.

Deixou também comentários sobre a política educacional e criticou a falta de centros de excelência para desenvolvimento de tecnologia, que poderiam receber maciços investimentos para garantir o avanço tecnológico de áreas específicas e de interesse do país.

O Professor Enrique Viana Arce, da Fatec, perguntou ao final da palestra se tais ocorrências econômico-sociais do presente são consequências do período colonial brasileiro. O Professor Werner declarou que acredita que sim, mas as condições ruins de nosso período colonial poderiam já ter sido superadas se houvesse ações políticas que realmente desejassem o aperfeiçoamento das instituições brasileiras.

Após a palestra, o Professor Werner seguiu para Piracicaba para atender a compromisso na Esalq-USP. No entanto, o professor fez uma pequena parada em Santa Bárbara d’Oeste e visitou o Cemitério do Campo (Cemitério dos Americanos), onde se encontram sepultados 20 soldados confederados e vários descendentes das famílias norte-americanas que imigraram para o Brasil no fim do século XIX.

A Fatec Americana agradece ao Professor Werner Baer, a todos os alunos, professores e funcionários envolvidos, em especial à Professora Rosilma Mirtes dos Santos Roballo, principal responsável pela visita do Professor Baer.